Thiago da Costa Oliveira

Doces Santos | Documentação Fotográfica

2015-2016

Doces Santos

Câmera: Sony Alpha 7s

Lente: Canon FD 28mm | f 2.8

A devoção a Cosme e Damião nos subúrbios do Rio de Janeiro registrada em Setembro de 2015.

 

Em 27 de setembro, no Rio de Janeiro, milhares de crianças circulam pelas ruas da capital e municípios vizinhos, em busca de sacolas de doces e balas, doadas nas ruas e em casas em homenagem a Cosme e Damião, por adeptos do catolicismo e de religiões afro-brasileiras, numa prática que remontaria pelo menos à primeira metade do século XX. Como pode haver disputas pelos saquinhos,há doadores que transitam em carros, com paradas estratégicas para distribuição. Dá-se assim uma ampla movimentação envolvendo pessoas, espaços e coisas, que alguns analistas afirmam estar diminuindo nos últimos anos pelo peso dos pentecostais, que condenam a prática como idólatra ou demoníaca.

Por Renata Menezes,
coordenadora da pesquisa Doces Santos.

© Thiago Oliveira / GPAD Grupo de Pesquisa em Antropologia da Devoção